Pesquisar
Close this search box.
3

Posts recentes

.

Pesquisar
Close this search box.

.

Treino de inferiores feminino: benefícios e tutoriais

Descubra para quem o treino de inferiores é indicado, quais são os resultados que ele costuma trazer e como realizar os exercícios adequadamente!

Tempo de leitura: 11 min
Compartilhe
treinos-de-inferiores-feminino

O que você vai ler neste artigo:

O treino de inferiores feminino é uma abordagem específica para fortalecer e tonificar os músculos das pernas e glúteos.

Com uma rotina de treino bem estruturada, é possível alcançar resultados expressivos, aumentar a força muscular, melhorar a resistência e promover um corpo saudável e esteticamente agradável

Quer saber como fazer treino de inferiores feminino e esclarecer dúvidas sobre o assunto? Então, continue a leitura! Vamos lá?

Quais músculos e partes do corpo são trabalhados no treino de inferiores?

O treino de inferiores envolve o trabalho de diferentes grupos musculares localizados nas pernas e nos glúteos

Dentre os principais músculos e partes do corpo que são trabalhados nesse tipo de treinamento, podemos destacar:

  • Quadríceps: localizado na parte frontal da coxa, o quadríceps é um grupo muscular composto por quatro músculos (reto femoral, vasto lateral, vasto medial e vasto intermédio). Ele é responsável por estender o joelho e é bastante ativado em exercícios como agachamentos e afundos;
  • Isquiotibiais: localizados na parte posterior da coxa, os isquiotibiais são formados por três músculos (bíceps femoral, semitendinoso e semimembranoso). Esses músculos são responsáveis pela flexão do joelho e são bastante solicitados em exercícios como o levantamento terra e o stiff;
  • Glúteos: o grupo muscular dos glúteos é formado por três músculos principais: o glúteo máximo, glúteo médio e o glúteo mínimo. Eles são responsáveis pela extensão, abdução e rotação externa do quadril. Exercícios como a elevação pélvica, o agachamento e o afundo são excelentes para trabalhar os glúteos;
  • Panturrilhas: as panturrilhas são compostas pelos músculos gastrocnêmio e sóleo. Eles são responsáveis por movimentos como a flexão plantar do tornozelo, sendo ativados em exercícios como as elevações de panturrilha.

Além desses principais grupos musculares, o treino de inferiores também pode envolver o trabalho de outros músculos menores, como os adutores, abdutores, músculos tibiais anteriores e diversos músculos estabilizadores das pernas e do quadril.

Benefícios do treino de inferiores feminino

O agachamento, um dos principais exercícios do treino de inferiores feminino, traz diversos benefícios que vão muito além da tonificação muscular. Imagem: Reprodução/Pinterest

Em geral, o treino de inferiores feminino traz uma série de benefícios significativos para as mulheres que desejam fortalecer e tonificar as pernas e os músculos da região abaixo do quadril.

Além de melhorar a aparência física, esses exercícios também promovem uma série de vantagens para a saúde em geral. A seguir, confira alguns dos principais ganhos proporcionados por esse tipo de treino.

Fortalecimento muscular

O treinamento focado nos membros inferiores contribui para o fortalecimento dos músculos das pernas e glúteos. 

Isso proporciona maior resistência e estabilidade nas atividades diárias, evitando lesões e melhorando o desempenho físico.


Melhora do condicionamento físico

Os exercícios de treino de inferiores feminino também são excelentes para melhorar o condicionamento físico como um todo. 

O trabalho intenso desses músculos aumenta a capacidade cardiovascular e respiratória, o que resulta em uma maior resistência e disposição durante as atividades diárias.

Queima de gordura

Um dos principais benefícios do treino de inferiores feminino é a queima de gordura localizada

Ao fortalecer os músculos das pernas e glúteos, ocorre um aumento na taxa metabólica basal, o que promove o emagrecimento e a melhora do contorno corporal.

Melhora da postura

Os exercícios de treino de inferiores feminino também têm um impacto positivo na postura. Isso porque o fortalecimento dos músculos das pernas e glúteos proporciona um melhor alinhamento corporal, ajudando a corrigir desvios posturais e prevenindo dores.

Como iniciar o treino de inferiores

Antes de iniciar qualquer programa de treino de inferiores feminino, é essencial consultar um profissional qualificado, como um educador físico, para avaliar sua condição física e fornecer orientações adequadas. 

Com base nessa avaliação, o profissional poderá recomendar exercícios específicos e intensidades adequadas ao seu nível de condicionamento.

Adicionalmente, o apoio profissional pode ajudar a trazer resultados mais assertivos e até mesmo preparar treinos personalizados.

Exercícios para o treino de inferiores feminino


Melhor treino para pernas e glúteos – sem equipamentos | Canal: Olena Starodubets

Existem diversos exercícios eficazes para o treino de inferiores feminino. A seguir, apresentamos uma lista de opções que visam trabalhar diferentes grupos musculares das pernas e glúteos. Confira e aprenda como fazer cada um deles.

Agachamento livre

O agachamento livre é um dos exercícios mais populares para fortalecer os músculos inferiores. 

Ele trabalha principalmente os quadríceps, glúteos e isquiotibiais. Para realizar esse exercício corretamente, siga os passos abaixo:

  1. Posicione-se em pé, com os pés afastados na largura dos ombros;
  2. Flexione os joelhos e os quadris, como se fosse sentar em uma cadeira imaginária;
  3. Mantenha o tronco ereto e o olhar para a frente;
  4. Retorne à posição inicial, estendendo as pernas e os quadris.

Afundo

O afundo é outro exercício eficaz para fortalecer os músculos inferiores, com foco nos glúteos e nas coxas. Veja como executar corretamente:

  1. Posicione-se em pé, com as pernas afastadas na largura dos quadris;
  2. Dê um passo à frente com uma das pernas, flexionando o joelho até que a coxa fique paralela ao chão;
  3. Mantenha o tronco ereto e o olhar para a frente;
  4. Retorne à posição inicial e repita com a outra perna.

Elevação pélvica

A elevação pélvica é um exercício excelente para trabalhar e arredondar os glúteos. Confira como realizá-lo corretamente:

  1. Deite-se de costas no chão, com os joelhos flexionados e os pés apoiados no solo;
  2. Eleve o quadril, contraindo os glúteos, até formar uma linha reta dos joelhos aos ombros;
  3. Pause por um instante e retorne à posição inicial;
  4. Repita os movimentos em séries.

Dicas de treinos de inferiores para hipertrofia

Se o seu objetivo é a hipertrofia muscular nos membros inferiores, existem algumas estratégias que podem ajudar a alcançá-lo. A seguir, confira as principais.

1. Foco em exercícios compostos

Os exercícios compostos, como agachamentos, levantamentos terra e afundos, são fundamentais para estimular o crescimento muscular nos membros inferiores. 

Eles recrutam diversos grupos musculares ao mesmo tempo, o que proporciona um estímulo maior para a hipertrofia.

2. Aumento progressivo da carga

Para promover o crescimento muscular, é importante aumentar progressivamente a carga nos exercícios

Isso pode ser feito utilizando pesos livres, halteres, barras ou máquinas de musculação. Aumente a carga gradualmente conforme seu corpo se adapta ao treinamento, sempre mantendo a técnica correta de execução dos exercícios.

3. Variedade dos estímulos

Além dos exercícios compostos, é importante incluir variações e diferentes tipos de estímulos para promover o crescimento muscular. 

Eles podem incluir exercícios unilaterais, como o avanço lateral, e diferentes tipos de agachamentos, como o agachamento sumô ou o agachamento búlgaro

Essa variedade ajuda a trabalhar diferentes grupos musculares e estimular a hipertrofia de forma mais abrangente.

4. Descanso e recuperação adequados

Para que ocorra a hipertrofia muscular, é essencial permitir que os músculos se recuperem adequadamente

Certifique-se de incluir períodos de descanso suficientes entre os treinos e de ter uma alimentação adequada para fornecer os nutrientes necessários à recuperação e ao crescimento muscular.

Com essas dicas, você estará no caminho certo para potencializar a hipertrofia nos membros inferiores e alcançar os resultados desejados.

Como potencializar os ganhos com o treino de inferiores?

Para potencializar os ganhos com o treino de inferiores feminino, algumas dicas são fundamentais.

1. Varie os exercícios

É importante variar os exercícios para trabalhar diferentes grupos musculares das pernas e glúteos. 

Inclua agachamentos, afundos, elevação pélvica, exercícios com step, saltos e outros movimentos que desafiem os músculos de maneiras diferentes.

2. Cuide da alimentação

Uma dieta equilibrada e adequada é fundamental para potencializar os resultados do treino de inferiores. 

Certifique-se de consumir proteínas, carboidratos complexos, lanches saudáveis e nutrientes essenciais para fornecer ao corpo os elementos necessários para a recuperação e o crescimento muscular.

Ainda, há alimentos para consumir no pré-treino que podem ajudar a maximizar os ganhos e turbinar a energia e disposição.

3. Mantenha-se hidratada

A hidratação adequada é fundamental para um treino eficaz. Beba água antes, durante e após o treino para garantir uma boa hidratação e um bom funcionamento do corpo.

É possível fazer treino de inferiores em casa?

Sim, é perfeitamente possível realizar o treino de inferiores no conforto da sua casa. Para isso, é necessário adaptar os exercícios ao espaço disponível e utilizar equipamentos adequados, como pesos livres, elásticos de resistência e até mesmo o peso corporal. 

Alguns exercícios que podem ser incluídos no treino em casa são os agachamentos, afundos, elevação pélvica, saltos e exercícios com step. 

É importante manter a técnica correta e progressivamente aumentar a intensidade dos exercícios para desafiar os músculos e obter resultados eficazes. 

Além disso, seguir uma rotina consistente e contar com o auxílio de um profissional capacitado pode ajudar a maximizar os benefícios do treino de inferiores, mesmo que ele seja realizado em casa, na academia ou ao ar livre.

Para quem é indicado o treino de inferiores feminino?

O treino de inferiores feminino é indicado para mulheres de todas as idades e níveis de condicionamento físico que desejam fortalecer, tonificar e modelar os músculos das pernas e glúteos. 

Seja qual for o objetivo – aumento da massa muscular, melhora da estética corporal, ganho de força ou melhoria da saúde e condicionamento físico geral – o treino de inferiores pode ser adaptado de acordo com as necessidades individuais de cada mulher. 

É importante ressaltar que, antes de iniciar qualquer programa de treinamento, é recomendado consultar um profissional de educação física para avaliar a condição física e fornecer orientações adequadas.

Bônus: dicas para não desistir ou desanimar do treino

Muitas pessoas enfrentam dificuldades para manter a consistência nos treinos e acabam desistindo antes mesmo de alcançar seus objetivos. 

No entanto, existem algumas dicas que podem ajudar a manter a motivação e não desistir do treino. Abaixo, separamos as principais.

1. Defina metas realistas

Estabelecer metas realistas e alcançáveis é fundamental para manter a motivação. Ao definir suas metas, leve em consideração seu nível atual de condicionamento físico, seu tempo disponível e suas limitações pessoais. 

Trace objetivos graduais e mensuráveis, de forma que você possa acompanhar seu progresso ao longo do tempo.

2. Encontre um parceiro de treino

Ter um parceiro de treino pode ser extremamente motivador. Vocês podem se apoiar mutuamente, compartilhar experiências e desafios, além de tornar os treinos mais divertidos. 

Encontre alguém com objetivos semelhantes aos seus e combine horários para treinar juntos. A responsabilidade mútua e o apoio podem ser grandes aliados para não desistir do treino.

3. Varie os exercícios

A monotonia dos treinos pode levar ao desinteresse e à desistência. Para evitar isso, procure variar os exercícios regularmente

Experimente novos movimentos, utilize diferentes equipamentos e explore diferentes modalidades de treino. A variedade mantém o treino desafiador e estimulante, evitando o tédio e a vontade de desistir.

4. Celebre as pequenas conquistas

Celebre cada conquista, por menor que seja. Reconheça e valorize seus progressos, seja um aumento de carga nos exercícios, uma melhora na resistência ou a superação de um desafio pessoal. 

Comemorar as pequenas vitórias mantém a motivação e a determinação em continuar. Manter um diário com anotações dos resultados também pode ser uma boa estratégia.

Lembre-se de que cada pessoa é única, e o que funciona para uma pode não funcionar para outra

Portanto, é importante encontrar estratégias que se adequem às suas necessidades e preferências pessoais

Treino de inferiores feminino: a chave para ter pernas e bumbum definidos!

O treino de inferiores feminino é uma abordagem valiosa para fortalecer e tonificar os músculos das pernas e glúteos nas mulheres. 

Ao seguir um programa de treinamento adequado, é possível alcançar resultados notáveis em termos de força, resistência e aparência física

Lembre-se de consultar um profissional qualificado antes de iniciar qualquer programa de treinamento e adapte os exercícios de acordo com suas necessidades e objetivos individuais. 

Com dedicação e consistência, você poderá desfrutar dos benefícios do treino de inferiores  e alcançar uma saúde e estética corporal incríveis!

Gostou das nossas dicas? Então, confira também o guia Exercícios de pernas: 5 treinos para fortalecer e tonificar!



Perguntas Frequentes (FAQs)

Não necessariamente. Esse tipo de treino pode levar ao aumento da massa muscular nas pernas, mas o volume vai depender da genética e da intensidade dos exercícios.

A frequência ideal varia de acordo com os objetivos e a disponibilidade de cada pessoa. No entanto, recomenda-se realizar o Treino de Inferiores Feminino de duas a três vezes por semana para obter resultados satisfatórios.

Não. O Treino de Inferiores Feminino é indicado tanto para mulheres que desejam aumentar a massa muscular quanto para aquelas que buscam tonificar os músculos e melhorar a estética corporal.

Os resultados variam de acordo com diversos fatores, como a consistência nos treinos, intensidade, alimentação e genética individual. 

Geralmente, é possível observar resultados iniciais após algumas semanas de treinamento regular.

Não é obrigatório utilizar pesos nos exercícios de Treino de Inferiores Feminino. Existem opções de exercícios que utilizam apenas o peso corporal, como agachamentos e afundos, que ainda são eficazes para fortalecer os músculos inferiores.

Sim, é altamente recomendado buscar a orientação de um personal trainer ao realizar o treino de inferiores feminino, especialmente se você é iniciante ou possui alguma condição física específica. Um personal trainer qualificado poderá elaborar um programa de treinamento personalizado, ensinar as técnicas corretas de execução dos exercícios e monitorar o seu progresso. Além disso, o profissional poderá ajustar o treino de acordo com suas metas e necessidades individuais.

Diversas influenciadoras fitness compartilham dicas valiosas para o treino de inferiores feminino. Alguns exemplos:

  • Bella Falconi:Ela recomenda combinar diferentes tipos de exercícios, como agachamento, avanço e afundo, para trabalhar os músculos de forma completa.
  • Gracyanne Barbosa: Ela enfatiza a importância de variar a intensidade do treino, utilizando pesos livres, bandas elásticas e exercícios com o próprio peso corporal.
  • Gabriela Pugliesi: Ela sugere adicionar exercícios funcionais ao treino de inferiores, visando melhorar a estabilidade, equilíbrio e agilidade.
  • Carol Borba: Ela sugere combinar diferentes tipos de exercícios, como agachamento, avanço e afundo, para trabalhar os músculos de maneira completa. Além disso, enfatiza a importância de manter a postura correta durante a execução dos movimentos.

Lembre-se sempre de aquecer antes do treino, manter uma postura correta durante a execução dos exercícios e respeitar os limites do seu corpo. Consulte um profissional de saúde antes de iniciar qualquer programa de exercícios, especialmente se você tiver alguma condição médica pré-existente.

Compartilhe

Receba nosso conteúdo exclusivo e fique por dentro das novidades de saúde e beleza.

Mais lidas

plugins premium WordPress